Oi, gente!

Mais uma vez venho aqui no Minha Série falar de um seriado de TV que arrancou meu coração. 
No dia cinco de fevereiro, na sexta-feira antes do carnaval, comecei uma maratona da série Adventures of Merlin (BBC, 2008-2012), induzida pelo meu namorado, que é muito fã do show desde seu início. Ontem, (14/02), finalizei a maratona, que, para mim, foi bastante rápida... cinco temporadas em nove dias, e finalmente tomei coragem para escrever sobre. 
Ah, por que tomou coragem? Você se pergunta... 
Porque, querido leitor, meu coração ainda está batendo acelerado depois do episódio final. Meus olhos amanheceram vermelhos e meu estômago revirado, sinal de que alguma coisa estava me deixando perturbada. Acordei às 6h45 da manhã num dia em que eu não precisava, só porque depois de abrir os olhos e raciocinar, meu primeiro pensamento foi sobre aquele episódio e eu não consegui mais desligar a mente. 

É, não levei de forma fácil o final de Merlin, e confesso que nunca tinha ficado dessa forma com nenhum filme/seriado até agora... nem com o final de How I Met Your Mother, nem com o final de FRIENDS, ou Dexter, ou qualquer série que eu tenha acompanhado e que tenha chegado ao seu ponto final... não, nenhuma. Chorei por mais de uma hora durante o dia, enquanto assistia ao episódio e até antes mesmo de começar, só de saber que muita coisa vinha por ali... Mas, enfim. Já deu para perceber que meu coração foi arrancado, pisoteado e estraçalhado com aquele final. Agora vamos falar da jornada, porque nenhum fim tem sentido sem que antes falemos do que se passou.
Adventures of Merlin é uma série britânica que conta a vida e as aventuras do jovem feiticeiro Merlin, conhecido por todos nós (eu creio) por ter sido um grande mago, influente na era Arthuriana, em meados dos anos 500, sendo conselheiro do rei, e também um praticante de magia - mas para o bem. Na série, Merlin é retratado como o servente do príncipe, o seu confidente, melhor amigo e companheiro, o ajudando sempre com missões e usando de magia para combater o mal que pode querer tomar o lugar de Arthur no reino de Camelot. 

O que pode parecer simples. 
Mas, no passado, algo infeliz aconteceu e o Rei, Uther - pai de Arthur - declarou guerra aos feiticeiros, exterminando todos que praticassem magia no reino de Camelot, iniciando assim, uma batalha vitalícia com o outro lado da magia, que no começo do seriado completa vinte anos de existência. Ninguém pode praticar magia em Camelot, mas o jovem Merlin tem seu destino selado. Ele precisa ajudar ao Príncipe Arthur, precisa o livrar de todo o mal até que ele se torne o grande Rei Arthur, aquele que mudou a história da cidade. 
Tudo tem início com esse plot, usando magia, amizade, batalhas, cavaleiros, guerreiros e referência à real lenda do Rei Arthur e Merlin, e aí somos guiados por cinco temporadas excitantes, empolgantes, que nos faz querer desejar que aquilo nunca tenha fim. 
Se você conhece um pouco da lenda de Merlin, vai reconhecer alguns personagens que aparecem no seriado - seja como participante ou se tornando recorrente - como Lancelot - O Grande, Mordred, Morgana, Guinivere e Gwaine - O Bravo. São guerreiros, serventes, magos ou bruxas que são retratados nas lendas e trazidos de volta no seriado, como uma homenagem à história e uma ótima representação dos "fatos" ou mitos.

Opiniões

O que mais me fez devorar o seriado foram os personagens. Suas características marcantes e, com absoluta certeza, a química que rolava entre o elenco, é algo notável para quem assiste, e vai continuar sendo assim mesmo com o passar dos anos. Merlin é uma série familiar, e mesmo que tenha muita crueldade, mortes, sangue e batalhas, nada é mostrado explicitamente, fazendo com que seja possível assistir a qualquer hora, em qualquer lugar e com qualquer pessoa - inclusive crianças - e ainda se tornar uma experiência agradável. 
É incrível assistir a evolução dos personagens, a angústia do Merlin em ter que esconder quem ele verdadeiramente é de seu melhor amigo, e não só ele, mas cada personagem tem seu segredo, seus destinos a serem traçados. O primeiro episódio (o qual assisti hoje, sim. Voltei a ver tudo outra vez porque não podia continuar com o sentimento pesado daquele final no peito... eu tô falando sério, gente, me deixou muito abalada) tem várias referências ao que vai acontecer mais adiante na série... comentários de personagens devem ser levados muito a sério, devem ser ouvidos com atenção e até anotados hahahaha para referências futuras. Tudo se liga, nada fica com a ponta solta. É importante ressaltar que uma lenda está sendo contada, uma história que pode ou não ter acontecida, já retratada de mil formas em livros e filmes, e agora nos é contada da maneira inteligente e cômica da BBC, o que dá um ar moderno e apaixonante para o show. 
Merlin é um seriado pouco conhecido aqui no Brasil, mas precisa urgentemente ser mais visto. Ele está completo na Netflix, todas as cinco temporadas legendadas e dubladas. Corram para essa experiência! Corram de braços abertos e de coração preparado, porque as emoções não serão poupadas. Claro, não vou entrar em detalhes sobre o episódio final, mas espere de tudo. Você será surpreendido e ficará no chão, assim como eu. É impossível não se apegar aos personagens, o que torna impossível dizer adeus. 

AGORA UMA REPRESENTAÇÃO

AQUI SOU EU ASSISTINDO AO PRIMEIRO EPISÓDIO:
AQUI SOU EU ASSISTINDO AO ÚLTIMO EPISÓDIO:


Eu espero que vocês tenham gostado do post e vão correndo assistir. É uma série que vale a pena cada episódio, cada lágrima e cada sorriso. Está para sempre no meu coração, e esses personagens serão dificilmente esquecidos. Cada temporada me trouxe algo especial, e eu quero para sempre me sentir dessa forma. 

Bem, gente! Foi isso. 
Um beijo, e até a próxima! s2

4 Comentários

  1. Uau Renata! Fiquei realmente mexida com sua resenha da série. Nunca me dou muito bem com as séries que começo porque elas sempre terminam na morte dos meus personagens favoritos, porém, estou atrás de uma que me faça seguir adiante, até o fim, por amar à todos os personagens. Sua declaração de amor por essa, me fez ficar bem curiosa. Parabéns pelo post! Espero que você fique bem logo, depressão pós livro/série é terrível! kk. Beijokas entreumlivroe-outro.blogspot.com
    P.S: Renata, vi que você é autora e conheci seu livro através da página no face. Se estiver interessada em parceria, me chama no face. Deixei uma mensagem na sua página. Eu amei o livro, e estou louca por ele. Beijokas :*

    ResponderExcluir
  2. Oiiiiii, Re!
    EU VOU SURTAR E VOU COMENTAR COM CAPS LOCK MESMO PORQUE MEU CORAÇÃO ESTÁ PULSANDO FORTE, REVIVENDO TUDO QUE REVIVI COM A SERIES FINALE DE MERLIN, MEU DEUS!!!! Renata, me abraça, essa é uma das minhas séries mais queridinhas ever <3 Eu comecei a acompanhar ela bem no comecinho, ainda não tinha nem meu próprio computador, usava o da minha tia. Sou apaixonada pela série e nem falo quanto me apaguei aos personagens. Até hoje me pego assistindo fã vídeos no You Tube e relembrando cada cena do bromance de Arthur e Merlin. Amo o Colin e o Brad, como já comentei com você <3 Amiga, não sabia que a série estava completa no Netflix. Tenho a série completa no computador, mas nada como uma boa maratona no Netflix, não é mesmo? Mais uma vez, me abraça, a dor da series finale vai diminuir mas nunca vai acabar, sabe?
    Beijo!
    apenasumaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Re! MEU DEUS, eu estava considerando ver essa série não faz nem uma semana! Estava de bobeira na Netflix e adicionei a série na minha lista pensando "deveria ver, certeza que vou gostar" por dois motivos: ser baseada na história do Rei Arthur e Merlin e, claramente, por ser da BBC. Parece que a BBC nunca me deixa na mão, é incrível, tudo o que assisto de lá me fascina de uma maneira que eu não sei lidar depois (Doctor Who e Sherlock estão aí de provas vivas como séries favoritas). O fato de se tratar de uma série mais "familiar" também me atrai, pois apesar de ir de boas com filmes mais pesados, para seriado eu gosto do bom e velho "posso assistir a hora que eu quiser sem ser julgada", sim, HAHA. Depois da sua resenha eu com certeza vou assistir, provavelmente seja a próxima série que eu faça maratona. Veremos!!

    Beijos!
    Hels, The Blue Blog

    ResponderExcluir
  4. Comecei a ver e gostei muito. Nunca tinha visto uma série tão rapido! E aí, vem o ultimo episódio, e acaba com a minha vida. Sabe aquela sensação de que você acabou de fazer a unica coisa que se dedicava por dias, e agora não tem mais o que fazer... tô assim até agora, e já se passaram dois meses.

    Beijos
    -MMM

    ResponderExcluir